Close

25/09/2018

Colesterol HDL e Colesterol LDL: qual a diferença?

Colesterol HDL e Colesterol LDL: qual a diferença

Colesterol HDL e Colesterol LDL: qual a diferença

O colesterol está presente em todo o corpo em moléculas chamadas lipoproteínas.

Existem dois tipos que são muito importantes, especialmente se considerarmos que um tipo de colesterol é denominado bom (conhecido como HDL) e outro ruim (o colesterol LDL).

O colesterol LDL (Lipoproteína de Baixa Densidade), é geralmente chamado de “colesterol ruim“, pois contém uma quantidade relativamente elevada de colesterol que pode se acumular nas paredes arteriais.
   

O colesterol HDL (Lipoproteína de Alta Densidade) é capaz de remover e transportar o colesterol das artérias e levá-lo para o fígado, onde é eliminado, por isso é chamado de “colesterol bom“.

O colesterol LDL elevado é amplamente conhecido por ser um dos fatores de risco no desenvolvimento de doenças cardiovasculares. Existem muitos fatores de risco para  estas doenças e é importante cuidar de todos eles para reduzir esse risco como um todo.

 

Seu nível de colesterol é medido por meio um exame de sangue, que pode ser realizado pelo seu médico ou por um enfermeiro. Dependendo do tipo de exame, os resultados indicam não apenas a quantidade total, mas também as quantidades de LDL- colesterol e HDL- colesterol no seu sangue. Embora o ideal seja manter o total geral de colesterol baixo, a proporção de HDL no colesterol total também é importante, pois o colesterol HDL exerce uma função diferente do colesterol LDL.

 

Sempre consulte um médico para interpretar os resultados do teste e para que ele faça as recomendações necessárias para te ajudar a manter os níveis de colesterol adequados. A boa notícia é que existem algumas medidas que você pode adotar para ajudar a reduzir o colesterol LDL.

 

Embora alguns dos motivos que levam as pessoas a desenvolverem um nível de colesterol elevado estejam fora de nosso controle (como idade e gênero), existem diversos fatores que nós mesmos podemos cuidar. Provavelmente, seu médico e nutricionista farão diversas recomendações sobre mudanças na sua alimentação e no seu estilo de vida.

 

Diminuir o consumo de gordura saturada e de gordura trans substituindo-as por gorduras insaturadas e ingerir alimentos que contêm fitoesteróis para reduzir o colesterol são dicas para uma alimentação equilibrada que ajudam a controlar o colesterol.

 

Fonte: SOCESP